Protesto contra Papa alemão são proibidos na Alemanha

29 ago

Visita de Papa Bento XVI à Alemanha causa polêmica.

Dia 22 de setembro o Papa, nascido em Marktl, no sul da Alemanha, visita seu país de origem. A volta às raízes de Papa Benedito XVI, porém tem c

ausado desde já polêmica.

Na Alemanha para se fazer um protesto tem que marcar com antecedência na polícia, se não me engano até estipular

Visita de Bento XVI a seu estado natal, na foto o Papa em Munique

quantas pessoas vão participar para que se una reforço policial e evitar danos à sociedade. Porém no caso dos protestos contra a visita do Papa não tem conversa, as autoridades não liberam!

Baviera festeja a eleição de Bento XVI

Um dos motivos apontados é que os protestos estariam sendo preparados para pouco antes da chegada do Papa na Alemanha. Preocupados com a segurança de Benedito XVI, já que um protesto de cunho religioso pode levar ainda mais gente às ruas do que o esperado, as autoridades então resolveram não permitir que eles ocorram. As opiniões sobre o assunto na Alemanha se divide. Há os que concordam que o protesto poderia sair do controle, e há os que acham que isso é um crime contra a democracia.

Casa onde Papa Bento XVI nasceu em Marktl, Baviera

Por enquanto as cidades onde deveria ocorrer os protestos seriam além de Berlim, Erfurt, o distrito de Eichsfeld também na Turíngia, e Freiburg. Motivos do protesto seriam por exemplo as aulas sobre sexualidade da Igreja, lembrando que na Alemanha é comum ter aula de religião na escola, onde os alunos escolhem entre islã, catolicismo e protestatismo.

Mas o bispo a frente do evento deu o recado: A Igreja não quer que a missa seja atrapalhada!

Aqui entra em conflito dois lados do direito: o direito da liberdade de religião e cultos e o direito da liberdade de expressão e protesto democrático. Os católicos tem pela lei o dirito de se reunirem e fazer seu culto. A população te o direito de se manifestar contra.  (Fonte: marido jurista). Nesse embate até agora a Igreja saiu ganhando.

E aí, o que acham da decisão das autoridades alemãs em proibir os protestos?

4 Respostas to “Protesto contra Papa alemão são proibidos na Alemanha”

  1. Rafael Pereira 01/09/2011 às 12:27 pm #

    Ditadura da religiao, as pessoas nao podem protestar, um enorme retrocesso. Religiao nao e nada alem do que uma escolha pessoal, como qualquer outra, mas muitas pessoas adoram impor suas escolhas sobre as demais. Vergonhoso. Eu moro no “Freistaat” Bayern, que de “Freistaat” na pracita e “Freeistaat” principalmente para os catolicos.

    • Camilla Saloto 02/09/2011 às 5:25 am #

      OI rafael, pois é, o tema é polêmico e acho que os que queriam protesrar nao vao desistir assim tao facil né…

      • Rafael Pereira 02/11/2011 às 6:55 am #

        Sim, mas as pessoas em um estado democratico tem o direito de expressar as suas opinioes. Atitude muito legal do governo…

  2. Andrea Pires (@specialmolkay) 18/09/2011 às 2:22 pm #

    Vo tacar pedra no papa que vai passar na minha rua. kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: