Arquivo | julho, 2010

>Sobre o Blog…

15 jul

>

Abaixo alguns pontos sobre o Blog que eu sempre quis comentar ou esclarecer, mas de alguma forma nunca havia tirado tempo para isso! Viel Spaß beim lesen 🙂
Objetivo do Blog
Esse Blog foi criado na intenção de apresentar mais da cultura alemã, para quem tem interesse na cultura, pretende visitar ou morar na Alemanha, como quem precisa fazer trabalhos sobre o país.  
O nome do blog, alemanha einfach (lê-se ainfar), significa alemanha simples, porque esse é o intuito do blog, simplificar a Alemanha e até mesmo dismistificá-la.
É importante pensar que como qualquer lugar do mundo, a Alemanha é um país regida por homens, portanto não é um paraíso, e sim tem suas imperfeições e seus problemas, os quais tem um grau diferente dos do Brasil, mas não deixam de ser problemas…
Aplicativos do Blog e como usá-lo
Vamos começar de cima!
Feeds:
Os feeds podem ser adcionados a páginas como IGoogle MyYahoo etc. Além disso você pode se inscrever no feed para receber atualizacões que sempre serão exibidas nessa barra por exemplo do Mozzila onde vc pode salvar links. Ao fazer isso você vai ter uma pasta do blog la.
 Compartilhar
Bem lá em cima da página tem um botão “compartilhe”. Se você mirar no + dele e deixar a setinha do mouse paradinha lá sem clicar, ele abre uma janelinha automática e você pode mandar o link do post ou até mesmo do blog via twitter, orkut, facebook etc. Não achou por exemplo Orkut lá? Não se desespere, respire fundo e clique onde está escrito “Mehr”. Não sei se pro Brasil está algo como “Mais”, não sei se muda a linguagem dependendo da região de onde você acessa, mas de qualquer forma ao clicar no “Mehr”, “Mais”, “More” que seja, abre uma caixinha com quase 300 opções de redes sociais, para as quais você pode mandar o link do Blog e ainda tem um espaço de bsca. Quer achar o Orkut, é só escrever na busca, ele aparece e você clica nele e a página será automaticamente redirecionada por orkut. O mesmo com twitter, facebook, delicious etc.
Arquivo
Esse layout não tem um link direto para posts mais antigos, por isso se você quiser ver o que já foi postado no blog, vá até alí em arquivos.
Follow
Além de assinar os feeds, vocês também podem se tornar seguidores do blog, via twitter, acho que facebook também ou via sua conta google. Ich freue mich auf jeder Follower! Fico feliz por cada seguidor!

Blog no Facebook.
Resolvi arriscar e montei uma página do blog no Facebook. Assim, se você quiser ficar por dentro de todas atualizações e informações extras, além de ter contato com brasileiros e alemães (muitos que participam da página falam português) então é só clicar no like, nessa box do Facebook à direita.

Páginas
O menu páginas é na verdade posts mais interessantes ou relevantes que eu vou salvando alí, para as pessoas que chegam pela primeira vez no Blog ter uma erste Hilfe, primeiros socorros. Dicas básicas etc, vão para as páginas.
Enfim
Bom, espero ter esclarecido um pouco como usar o blog e que vocês se divirtam passeando por aqui.
Mas não se acanhem! Reclamem, opinem, palpitem, peçam pautas…! Passei a moderar comentários por precaução contra spams, mas fiquem a vontade, desde que os comentários não sejam baixaria barata, eu os postarei aqui, pois esse é um espaço de discussão de idéias e interação. Viva a liberdade de expressão!

>Intercity Express super rápido e super quente. Até no verão!

15 jul

>

Andar de ICE ( lê-se Ítsê-ê) é simplesmente um luxo. Se você tiver vindo para a Alemanha olhe no site da DB pois lá, comprando uma passgem com atecedência você pode viajar por 58 euros ida e volta. normalmente o valor de uma pssagem só de ida custa mais de 60 euros, então é um bom negócio né? 
Dada a dica, que será explorada em futuros posts vamos ao assunto desse post aqui.
Não sei se os jornais no Brasil noticiaram sobre o calor na Europa e as panes nos ar condicionados dos trens da Alemanha, mas o fato é: a Alemanha está derretendo! Isso mesmo. A foto ao lado não é recente, por isso estão todos de casaco, mas eu queria colocar uma foto do ICE pra vocês verem. mas agora o calor realmente chegou nas terras germânicas. Frankfurt já apresentou temperaturas de +46ºC com sensação térmica de +50ºC! Nessa história toda, alguns ICE’s apresentaram problemas no ar condicionado. De uma hora pra outra os trens que estavam com temperaturas de uns vinte e poucos graus subiram bruscamente atingindo marcas acima de +50ºC! Com isso muita gente levou choque térmico, desmaiaram e tiveram que ser socorridas nas estações e levadas pro hospital às pressas. 
As panes dos trens levou o ministro de transporte a se pronunciar. Ele afirma que vão investigar as causas dos defeitos nos ar condicionados e criticou a Deutsche Bahn, a maior empresa de transportes ferroviários da Alemanha, dizendo que os trens tem que estar preparados para oferecer uma viagem num clima confortável para os passageiros independente se la fora os termômetros marquem -40ºC ou  +40ºC. os quarenta positivos foram atingidos nesse verão, mas Herr Minister, não vem jogar praga de -40ºC não! deus me livre, -20ºC já foi suficiente para a gente ver o que é frio de verdade!
Para quem quiser ver fotos, o Spiegel Online publicou um album. Podem clicar aqui.
Acho que depois dessa eles vão pensar duas vezes antes de suspirar pensando no calor dos trópicos…

>Um último suspiro de copa e um pouco sobre Jogi Löw

13 jul

>

Pessoal, aqui estou eu novamente! Desculpe minha ausência, mas fim de semestre já diz tudo né? Agra curtindo minhas pseudo-férias, vou tentar ficar mais ativa aqui!
A Copa acabou então vou encerrar nesse post a temática também, na verdade vou dar uam de imprensa marrom e falar da vida do treinador da Alemanha, afinal ô coisa mais difícil é achar informação sobre esse homem gente!

A copa do mundo acabou e aos poucos os alemães estão se recuperando da derrota para Espanha! Um dia depois do jogo eu fui pra faculdade… era o último dia de aula, quase ninguém saiu de casa, a rua estava simplesmente vazia! As poucas almas vivas que se via perambulando por la estavam cabisbaixas, nada que se comprasse a empolgação do dia anterior!
Ao contrário do que tudo isso possa indicar, os alemães estão muito zufrieden, quer dizer, satisfeitos com a atuação da Mannschaft (Seleção).
Podolski, Klose, Özil, Neuer entre outros componentes do Jogis Jungs, ou seja meninos do Jogi (apelido do treinador alemão Joachim Löw), escrevem história no futebol alemão e mundial. Pelo twitter se ve a euforia mundo afora causada pela seleção alemã, coisa que os jogadores brasileiros há algum tempo não despertam mais. Na internet o apelo para que Joachim Löw continue a frente da seleção é muito forte. Via Blogs, Twitter, Facebook, jornais, revistas e TV a expectativa é a mesma, todos na esperança que Löw continue, uns pela qualidade que ele apresentou como técnico, outros pela simpatia que ele esbanja e outros (ou melhor o público feminino) por achar o Herr Löw um típico galã de novela da rede Globo. Ele simplesmente conseguiu o que nem seu antecessor, que levou a Alemanha até a final quando ela perdeu para o Brasil em 2002, conseguiu: Sobressair-se na imagem de treinador de futebol e se tornar uma celebridade! Onde já se viu um treinador de futebol metrossexual que faz campanha de cosmético para Nivea?
Apesar de todo esse glamour que parece envolver o Herr Löw, talvez o que o tornou essa personalidade que é, foi o fato de ele manter sua vida privada trancada à sete chaves. Fora do campo sabe-se muito pouco sobre ele ou sobre seu passado, sabe-se por exemplo que ele é casado desde 1986 e sua esposa se chama Daniela, o pai dela era presidente de um clube de futebol em Freiburg e foi lá que os dois se conheceram e até hoje, apesar de todo assédio das fãs, os dois mantém uma relação muito sólida.
A “Frau Löw” quase nunca é vista em público, nem mesmo quando está presente na arquibancada. Não fica entre as esposas dos jogadores ou locais vips, ao contrário prefere se esconder no meio do público. Para que tanto mistério? Ela não que ser reconhecida como a esposa do treinador pela rua, quer levar sua vida normal, ir ao trabalho, ir ao banco, fazer tudo como sempre fez sem regalias.
Outra coisa que descobriram sobre o treinador é que ele fuma, após ele aparecer com um toco de cigarro durante um jogo, o que causou muita polêmica! Ele afirmou não fumar muito, mas simplesmente não consegue largar o cigarro, apesar de já ter tentado.
Do passado de Löw só se sabe que ele não foi um grande talento no futebol, na verdade ao que parece não tinha talento nenhum, não participou de nenhum jogo importante nem mesmo dentro da Bundesliga. Mas então como ele conseguiu chegar a ser técnico? Pelo amor que ele diz ter pelo esporte, ele fez um curso de técnico de futebol e começou de baixo, conquistando vitórias com seleções até então fracas, chamando atenção dos garndes e enfim fazer parte da equipe de 2002 como auxiliar técnico. Com a saída do técnico anterior Jogi assumiu o posto só até que se achasse outro treinador para substituí-lo. Mas ta lá até hoje, ou pelo menos até o último jogo da copa contra o Uruguai né. Isso é tudo que se sabe desse treinador, nem mesmo os tablóides, Paparazzis conseguem flagras dele. Talvez por isso que ele é tão querido, afinal ninguém sabe quem ele realmente é como pessoa, só dentro do campo, então o resto vai da imaginação de cada um!

PS: Jogi se pronuncia “Iôgui” e Jungs se pronuncia “Iúngs” com um g mudo, se é que vocês me entendem 🙂

>Clichês de uma lado e de outro…

1 jul

>

Eu acabei de ler essa matéria do O Globo, que fala sobre as declarações de Schweinsteiger, Philipp Lahm e Bierhoff. A crítica maior foi sobre Lahm colocar todos sul-americanos no mesmo saco.

Achei a matéria okay, realmente foi infeliz da parte dele chamar todo subcontinente de temperamental. Tudo bem que se trata de futebol, mas nossa seleção por exemplo eu a vejo bem serena. É claro  também que as críticas estavam direcionadas à Argentina, que segundo eles, na copa de 2006 se mostrou bem agressiva após a perda. Mas são apenas amenidades futebolísticas, não vejo a necessidade de fazer uma tempestade no copo dágua por causa disso, e vocês?? Nessa coisa de futebol as provocações estão sempre aí, se até o Dunga provocou a toda poderosa Globo…

Mas se esses três personagens da seleção alemã colocaram os sul americanos no mesmo saco, o mesmo erro cometem os leitores do jornal que julgaram, nos comentários dessa matéria ,os alemães de hoje pelo erro  de alemães do passado. Chamando  a seleção alemã de nazistas que mataram sei la quantos milhões de judeus, ou seleção que se acha a raça superior eles também colocam toda uma nação, mesmo 70 anos depois da Guerra, no mesmo saco.  Os jogadores alemães nem eram nascidos ainda! A nova geração alemã se distancia e muito da Alemanha conhecida nos livros de história. Além disso o que tem a ver uma partida de futebol com os alemães nazistas que viveram na decada de 1940?
Eu indico aqui um excelente livro sobre a geração pós guerra: O Leitor de Bernard Schlink. Ele mostra muito bem o desconforto nos lares alemães, afinal o seu pai, sua mãe, ou a mulher por quem você se apaixona poderia ter sido um(a) nazista. Schlink quebra muitos mitos com esse livro e não lhe dá uma fórmula pronta sobre o tema central da trama: ele leva o leitor à reflexão. Os crimes nazistas não tem desculpa, mas quem eram as pessoas que trabalhavam como guardas, vigias dos judeus? Por que elas foram parar lá? Cada caso é um caso, a história mostrada no livro é de uma mulher que por causa de um segredo e da vergonha foi parar como guarda num campo de concentração e depois para guardar seu segredo assumiu uma culpa que não lhe cabia.
Culpar alemães de hoje por crimes nazistas é cometer o mesmo erro que o Lahm cometeu ao falar dos sul americanos. Tanto ele que provocou quanto até mesmo os leitores que caíram na provocação deveriam se envergonhar dessa atitude. Às vezes parece que o acesso a informação que por exemplo a Internet nos concede não é suficiente para eliminar clichês e pré-conceitos sobre outros povos. Eu fico indignada tanto quando ao falar da Alemanha as pessoas já vem com o nazismo na ponta da língua, quando como ao falar do Brasil eles aqui vem falando de samba, carnaval e futebol! A Alemanha é muito mais que a segunda guerra e está muito além do muro como o título do blog diz, assim como o Brasil não vive só de carnaval e futebol o ano todo!
Por isso cada vez mais eu vejo a importância de se aprender mais idiomas, porque junto com o aprendizado da língua você aprende mais da cultura, abre sua mente para aceitar as diferenças e à aprender algo com elas.
%d blogueiros gostam disto: